Hospital Icaraí

Câncer de ovário: tudo o que você precisa saber sobre

Câncer de ovário: tudo o que você precisa saber sobre

Entenda os sintomas, o tratamento e as consequências do câncer de ovário

Considerado o terceiro tumor ginecológico mais comum entre as mulheres, ficando atrás apenas do câncer de mama e colo do útero, o câncer de ovário, na maioria das vezes, se manifesta em mulheres de idade mais avançada, após o período de menopausa. No entanto, também pode surgir em jovens em idade reprodutiva. O câncer de ovário é responsável por mais mortes do que qualquer outro câncer do sistema reprodutivo feminino. Portanto, é necessário estarmos atentos aos sintomas, para reconhecê-los o quanto antes possível. Aqui você entenderá os sintomas, o tratamento e tudo o que você precisa saber sobre o câncer de ovário.

O que é e como surge o câncer de ovário

O câncer de ovário começa nos órgãos femininos que produzem óvulos (ovários). A causa da maioria dos casos desse tipo de câncer ainda é desconhecida. No entanto, existem alguns fatores de risco que podem deixar a mulher mais propensa a desenvolver esse tipo de câncer, como idade avançada, obesidade e histórico familiar de câncer. O câncer de ovário é silencioso e costuma passar despercebido até se espalhar na pelve e na barriga. Nesse último estágio, a doença é mais difícil de tratar e pode ser fatal. Portanto, estar atento a possíveis indícios é de suma importância para o sucesso do tratamento.

Os principais sintomas e o tratamento

O câncer de ovário geralmente não demonstra sintomas nos estágios iniciais. Neles, reconhecer sintomas é até possível, mas podem ser inespecíficos, como perda de apetite, perda de peso e inchaço. Dores pélvicas ou abdominais, dificuldade durante a alimentação e necessidade frequente de urinar também podem ser alertas de que algo está errado. No entanto, esses sintomas são reconhecidos nos estágios posteriores da doença, o que dificulta o tratamento e reduz as chances de sucesso. Por isso, manter uma rotina frequente de exames pode fazer a diferença na hora de identificar o problema, principalmente com antecedência. Em relação ao tratamento, a cirurgia e quimioterapia são os mais comuns, mas existem casos em que é possível apenas fazer a remoção de um ou dos dois ovários. 

Quando e onde procurar ajuda

Quanto mais cedo for realizada a procura por ajuda, mais chances há de sucesso com o tratamento do câncer de ovário. Estar com os exames em dia é um passo essencial para que isso aconteça, assim como prestar atenção em qualquer mudança fisiológica que dure mais de alguns dias. 

Em caso de suspeita da doença, o setor de oncologia do Hospital Icaraí possui um sistema completo de diagnóstico e tratamento de cânceres e também uma equipe de assistência altamente especializada e capacitada para auxiliar o paciente durante todo o processo, treinada pelo Grupo COI (Clínicas Oncológicas Integradas), maior centro de pesquisas e treinamentos no tratamento de doenças oncológicas das Américas. Conte com o Hospital Icaraí para cuidar do seu bem mais precioso: a sua vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *